Ativo 31@5x
Ativo 31@5x

Conversão da embarcação PSV Belov Mares em OTSV: projeto detalhado

Compartilhe este artigo

A Proper Marine, empresa especializada em engenharia naval, foi encarregada de realizar o projeto de conversão da embarcação PSV Belov Mares em OTSV. Este visa atender contratos com a Petrobras nos próximos anos, oferecendo soluções inovadoras e eficientes para as demandas offshore. 

Neste artigo, vamos explorar os principais aspectos do projeto, destacando a importância da conversão, os estudos preliminares realizados e o processo de transformação das embarcações. 

A Proper Marine, com vasta experiência e competência, tem se destacado nesse campo e já realizou dois dos três projetos existentes no mundo para diferentes armadores.

A embarcação

O Belov Mares é originalmente um modelo UT 771 WP PSV de 4.500 toneladas, fabricado pela Rolls-Royce e adquirido novo no Estaleiro Cosco. 

Essa embarcação está sendo convertida para se tornar uma OTSV (Offshore Terminal Support Vessel), caracterizada por dois carretéis hidráulicos capazes de armazenar 400 metros de mangotes de offloading cada, entre outros equipamentos especializados. A conclusão está prevista para meados de 2023. 

O Belov Mares está sendo convertido no estaleiro do grupo na BELOV na Bahia e será o terceiro navio com essas características a operar para a Petrobras, trazendo um arranjo inovador e diversas melhorias em sua operação.

O contrato de afretamento tem duração inicial de quatro anos, com possibilidade de renovação por mais um ano.

Processo de conversão

O processo de conversão de embarcação PSV em OTSV é complexo e envolve diversas etapas bem definidas. Inicialmente, é realizada a desmontagem dos equipamentos existentes que não serão mais necessários para a nova configuração da embarcação. Em seguida, ocorre a instalação de novos equipamentos, como os carretéis hidráulicos e outros sistemas específicos dos OTSV. 

Alterações na estrutura da embarcação são necessárias para acomodar as novas funcionalidades e garantir a estabilidade durante as operações offshore

Após a conclusão das modificações, são realizados testes rigorosos e um processo de comissionamento para assegurar que a embarcação esteja pronta para suas novas funções.

Estudos preliminares

Antes de iniciar o projeto, estudos precisam ser realizados para garantir o sucesso da transformação. As considerações abrangem, por exemplo, aspectos de capacidade de carga, sistema de posicionamento dinâmico, acomodações para tripulação e passageiros, sistemas de navegação e comunicação. 

Além disso, são conduzidos estudos de viabilidade, incluindo análises de estabilidade, propulsão, resistência estrutural aos esforços e outros fatores relevantes. Esses são indispensáveis para garantir que a embarcação atenda aos requisitos operacionais e de segurança.

Desafios e soluções

Necessidade de integração dos novos sistemas com a estrutura existente, gerenciamento das mudanças de carga e estabilidade da embarcação, e a adaptação dos sistemas são alguns dos desafios solucionados pelo projeto de conversão.

A Proper Marine emprega abordagem meticulosa, realizando estudos detalhados e análises avançadas para mitigar riscos e garantir segurança e desempenho da embarcação convertida. 

Por meio de simulações computacionais e modelagens avançadas, é possível antecipar potenciais problemas e encontrar soluções adequadas para cada caso.

Conclusão

O projeto de conversão da embarcação PSV Belov Mares em OTSV, é exemplo notável da capacidade da Proper Marine em fornecer soluções inovadoras e eficientes na indústria offshore.

Esperamos que a embarcação Belov Mares se torne um OTSV altamente capaz, pronto para atender às demandas da indústria offshore, contribuindo para o sucesso das operações da Petrobras.

Acesse o site e conheça mais sobre as nossas soluções!

Veja mais