Futuro da energia eólica no mar

Compartilhe este artigo

No que diz respeito ao setor energético, o Brasil tem motivos para comemorar, uma vez que somos um dos países mais renováveis neste sentido.

Por conta dessa característica, tratar de renovação da matriz energética não é um assunto tão distante e inalcançável quanto em outras nações mais dependentes de fontes energéticas consideradas não renováveis.

E dado o potencial que alguns setores têm em território nacional, como a energia solar e eólica, o futuro parece ainda mais limpo. Prova disso é que hoje vamos nos aprofundar um pouco mais no futuro da energia eólica no mar e tudo que ela pode representar para o nosso planeta – e, em especial, o Brasil.

Energia eólica offshore e a geração de energia limpa

Fonte da foto: Unsplash

Obtida por meio da implantação de turbinas eólicas em alto mar, a energia eólica offshore é fruto dos ventos de velocidade constante alcançados nestes locais.

Estas turbinas apresentam vantagens frente a geração feita em solo, como o fato de contarem com potências significativamente superiores, o que proporciona custos de manutenção por MW bem mais baixos.

Hoje, é considerada uma das principais alternativas para a geração de energia limpa e a busca por uma renovação na matriz energética mundial. 

Matriz energética é o nome que recebe o conjunto de fontes energéticas disponíveis em um país, estado ou planeta para suprir toda a demanda de energia. E no cenário mundial, a maioria é composta por fontes não renováveis, somando quase 88% do total. Os outros 12% representam a energia renovável, proveniente de fontes como solar e a própria eólica.

Um mercado em plena expansão

A exploração da energia eólica offshore é relativamente nova. Ano passado, completaram 30 anos desde que o primeiro gerador desse modelo entrou em operação na Dinamarca.

Desde então, o crescimento do segmento tem sido relativamente devagar. Mas essa realidade mudou bastante nos últimos anos.

Na década passada, a indústria acelerou o ritmo, impulsionada especialmente por conta da China e os países que fazem parte da OCDE (Organização para Cooperação e Desenvolvimento Econômico).

Já em 2021, o ramo de energia eólica offshore decidiu pisar ainda mais fundo no acelerador e bateu alguns recordes, como a implantação de mais 21 GW de capacidade adicional de geração em todo o planeta.

Futuro da energia eólica no mar no Brasil

Fonte da foto: Envato

Embora esses números todos apresentados há pouco não envolvam o Brasil e a América Latina, onde ainda não há instalações em alto mar para produção de energia eólica, há motivo para otimismo em nosso país.

O primeiro passo para a reversão desse cenário foi dado pelo governo brasileiro, com a publicação do Decreto nº 10.946, que trata da cessão de uso de espaços físicos e o aproveitamento dos recursos naturais no mar para a geração de energia elétrica a partir de empreendimentos offshore.

Em vigor desde junho deste ano, o texto legal foi um grande avanço para o Brasil iniciar seu caminho na implantação de parques eólicos offshore com segurança, uma vez que já há cerca de 80 GW de projetos em análise no Ibama.

E esses números podem ser ainda maiores. De acordo com o ministro do Meio Ambiente, Joaquim Leite, o país tem no mar um potencial de 50 usinas hidrelétricas de Itaipu. Em resumo: a usina, que é uma das maiores do mundo, tem capacidade instalada de 14 GW. A estimativa de Leite é que a produção de energia dos ventos em alto mar atinja 700 GW. 

Mas em quanto tempo poderemos ver esse avanço na prática? Para o presidente da Neoenergia, Mario Ruiz-Tagle, as primeiras instalações de energia eólica offshore devem surgir em até 5 anos.

A Proper Marine entende a importância que esse assunto tem, especialmente por se tratar de um tema que diz respeito à sociedade e vida humana como um todo, como é a sustentabilidade.

Por isso, nossas soluções envolvendo plataformas offshore buscam estimular, de forma profissional e dedicada, a exploração dessas e de outras alternativas que dialogam diretamente até com a renovação da matriz energética vigente.

Visite nosso site e contate nossos profissionais para conhecer mais detalhadamente nossos serviços e como podemos te ajudar com soluções de engenharia de projetos e consultoria naval e offshore.

Veja mais